13 fevereiro 2009

Porque sim

Caros leitores, venho fazer prova de vida neste fórum, após prolongado silêncio, dando conta daquilo que os amigos incursionistas, companheiros queridos de incursões várias, sempre no meu coração, lembrança e recorrentes pensamentos (ainda que não na ponta dos dedos teclantes) bem sabem: estou em "prisão domiciliária", por conta da concretização de um sonho que espero não me arraste para o pesadelo do real :)

Teclo muito ao longo do dia e da noite mas só hoje, demasiado tempo depois da radical mudança de vida, escrevi o que se pode chamar "um post". E apeteceu-me vir dar conta disso aqui. Por muitas razões, uma das quais, provavelmente a mais importante, porque sim.

Com amizade e muitas saudades,

vossa Kami

5 comentários:

jcp (José Carlos Pereira) disse...

É bom saber de si. Um abraço, com votos de grandes sucessos a Sul.

JM Coutinho Ribeiro disse...

(Será que a temos de volta ao mundo real?)
Saudades, minha amiga.

M.C.R. disse...

mcr zangado mas generoso deixou comenrário no pátio. Mas não perdoa tão longa ausencia

O meu olhar disse...

Porque sim é uma razão tão boa como outra qualquer, mas não precisa de nenhuma, apenas apareça, mais vezes. É tão bom tê-la por cá.
bjs

JSC disse...

Ainda bem que reapareceu. Gostei do post no Pátio de Letras. Também apreciei a leitura do livro “Porquê ler Marx hoje?” Porque o pensamento de Marx está ainda mais actual. Um outro livrinho com interesse chama-se “Até amanhã, Marx!”, da Puma Editora.